10 coisas que não sabemos ou não lembramos - Formigueiros.com
Formigueiros

10 coisas que não sabemos ou não lembramos

Recebi essas curiosidades via e-mail e achei por bem repassar… Algumas coisas, de fato, me foram indiferentes (por saber e não lembrar, ou por lembrar mas não dar tanta importância). Mas outras eu realmente não sabia… É bacana entender a origem das coisas para não ficarmos condicionados a apenas saber que ‘é porque é’, sem demais embasamentos. Confira abaixo algumas curiosidades enviadas pela leitora Débora:

1. Os três reis magos: adereços e significados

. O árabe Baltazar: trazia incenso, significando a divindade do Menino Jesus.

. O indiano Belchior: trazia ouro, significando a sua realeza.

. O etíope Gaspar: trazia mirra, significando a sua humanidade.

2. As sete maravilhas do mundo antigo

1 – As Muralhas e os Jardins Suspensos da Babilônia

2 – A Estátua de Zeus, de Fídias em Olímpia

3 – O Templo de Artemis (ou Diana) em Éfeso

4 – O Colosso de Rodes

5 – O Mausoléu de Halicarnasso

6 – O Farol de Alexandria

7 – As Pirâmides de Gizé no Egito

3. As sete maravilhas do mundo moderno (e as maravilhas ‘derrotadas’)

Maravilhas derrotadas:

4. A origem das 7 notas musicais:

A origem é uma homenagem a São João Batista, com seu hino :

Ut queant laxis (dó) ….. Para que possam

Re sonare fibris ……. ressoar as

Mi ra gestorum ….. maravilhas de teus feitos

Fa mulli tuorum ……… com largos cantos

Sol ve polluit ……. apaga os erros

Labii reatum …….. dos lábios manchados

S ancti Ioannis ……. Ó São João

5. Os sete pecados e as sete virtudes correspondentes:

A lista de pecados final só foi enumerada no século VI, pelo papa São Gregório Magno (540-604), tomando como referência as cartas de São Paulo. Por fim, resultou em tal lista de virtudes e pecados:

. Temperança (gula)
. Generosidade (avareza)
. Humildade (soberba)
. Castidade (luxúria)
. Disciplina (preguiça)
. Paciência (ira)
. Caridade (inveja)

6. Os sete dias da semana e os planetas:

Os dias, nos demais idiomas – com exceção da língua portuguesa , mantém os nomes dos sete corpos celestes conhecidos desde os babilônios:

. Domingo – dia do Sol (de fato, em inglês, domingo é ‘sunday’, ou seja, dia do sol)
. Segunda – dia da Lua. (monday ou moonday – dia da lua)
. Terça – dia de Marte
. Quarta – dia de Mercúrio
. Quinta – dia de Júpiter
. Sexta – dia de Vênus
. Sábado – dia de Saturno (saturday – satur-day – dia de Saturno)

7. As sete cores do arco-íris:

 

Na mitologia grega, Íris era a mensageira da deusa Juno.

Como descia do céu num facho de luz (em formato de arco) e vestia um xale de sete cores, deu origem à palavra arco-íris.

. Vermelho
. Laranja
. Amarelo
. Verde
. Azul
. Anil
.Violeta

 A divindade deu origem também ao termo íris, do olho.

 8. Os dez mandamentos:

01 – Não terá outros deuses diante de mim
02 – Não tomar o Seu Santo Nome em vão
03 – Não fará para ti imagem de escultura
04 – Guardar os sábados
05 – Honrar pai e mãe
06 – Não matar
07 – Não Adulterar
08 – Não furtar
09 – Não levantar falso testemunho
10 – Não cobiçar as coisas alheias (incluindo a mulher)

9. Os doze meses do ano:

– Janeiro: homenagem ao Deus Janus, protetor dos lares

– Fevereiro: mês do festival de Februália (purificação dos pecados), em Roma;

– Março: em homenagem a Marte, deus guerreiro;

– Abril: derivado do latim Aperire (o que abre). Possível referência à primavera no Hemisfério Norte;

– Maio: acredita-se que se origine de maia, deusa do crescimento das plantas;

– Junho: mês que homenageia Juno, protetora das mulheres;

– Julho: No primeiro calendário romano, de 10 meses, era chamado de quintilis (5º mês). Foi rebatizado por Júlio César;

– Agosto: Inicialmente nomeado de sextilis (6º mês), mudou em homenagem a César Augusto;

– Setembro: era o sétimo mês. Vem do latim septem;

– Outubro: Na contagem dos romanos, era o oitavo mês;

– Novembro: Vem do latim novem (nove);

– Dezembro: era o décimo mês.

 10. As musas da mitologia grega (a quem se atribuía a inspiração das ciências e das artes):

1 – Urânia ( astronomia )
2 – Tália ( comédia )
3 – Calíope ( eloqüência e epopéia )
4 – Polímnia ( retórica )
5 – Euterpe ( música e poesia lírica )
6 – Clio ( história )
7 – Érato ( poesia de amor )
8 – Terpsícore ( dança )
9 – Melpômene ( tragédia )

 Fonte: Via e-mail

Categorias: Formigueiros
Tags: , , , ,
maio 15, 2010 | Por Arteira | 3 Comentários

3 Comentários to “10 coisas que não sabemos ou não lembramos”

  1. mi:

    Interessante . Muito bom.

  2. Leandro:

    Corrigindo os 10 mandamentos:

    01º – Não terá outros deuses diante de mim;
    02º – Não tomar o Seu Santo Nome em vão;
    03º – Não fará para ti imagem de escultura;
    04º – Guardar os sábados;
    05º – Honrar pai e mãe
    06º – Não matar
    07º – Não Adulterar;
    08º – Não furtar;
    09º – Não levantar falso testemunho;
    10º – Não cobiçar as coisas alheias (incluindo a mulher);

    Fonte (Exodo 20).

    Abraços!

  3. Arteira:

    ok, Leandro. Obrigada!
    Bem que eu falei que não lembrava…rsrs
    Abração =)

Comente