Ford Edge: fotos, preços e técnica - Formigueiros.com
Formigueiros

Ford Edge: fotos, preços e técnica

edge-1.jpg picture by formigueiros

Finalmente as fábricas de automóveis estão dando a devida atenção ao mercado brasileiro. Com um mercado capaz de absorver mais de 2,5 milhões de carros por ano, a tendência é a diversificação das linhas e a introdução de novos nichos para esse mercado.

Aproveitando a crescente demanda por utilitários de luxo no Brasil, a Ford começa a importar direto do Canadá o crossover Edge, a partir de R$ 149.700. Baseado no Ford Fusion, o Edge tem no design um de seus bons atributos de venda, destacando-se a grade cromada, a linha das janelas alta e as rodas de 18 polegadas (de série).

Em termos de equipamentos, ele tem tudo que se espera e mais um pouco: 6 airbags, controle de estabilidade, ar condiconado automático com ajuste independente para motorista e passageiro, computador de bordo com bússola, bancos em couro bege com regulagem elétrica, sensor de estacionamento, sistema de som com toca-DVD, 8 alto-falantes, bluetooth, disco rígido de 10gb e tela de 6,5 polegadas touch-screen, acendimento automático dos faróis, banco traseiro rebatido eletricamente e tampa do porta-malas com fechamento e abertura elétrico (haja bateria!). Completando o pacote, temos faróis de neblina, retrovisores elétricos com iluminação e o único opcional, o teto solar panorâmico, que eleva o preço do carro a R$ 158.530.

edge-2.jpg picture by formigueiros

A parte mecânica tem um refinamento típico da Ford, com um motor V6 de 269 cv, câmbio automático de 6 marchas, suspensão independente nas 4 rodas em perfeito equilíbrio entre conforto e esportividade, freios eficientes e tração 4×4 inteligente, que reparte eletronicamente a força de acordo com as condições de aderência, sendo que em condições normais a tração é dianteira, como em um carro pequeno comum.

edge-3.jpg picture by formigueiros

O Edge vai enfrentar inimigos da pesada em sua estréia em terras brasileiras, como o Hyundai Veracruz, o Toyota Hilux SW4, o Nissan Murano, o Mitsubishi Outlander e o Chevrolet Captiva, este com a vantagem de não pagar os 35% de imposto de importação por vir do México. Em breve saberemos se o Edge tem munição suficiente para cumprir a meta de vender 3.000 carros durante o ano. Qualidades ele tem, resta saber se o consumidor brasileiro saberá apreciá-las.

edge-4.jpg picture by formigueiros

 

edge-5.jpg picture by formigueiros

Categorias: Automóveis
Tags: , , , , ,
outubro 25, 2008 | Por Ricardo Gadelha | Comente

Comente