Brasil vence Camarões e enfrentará Argentina nas semifinais - Formigueiros.com
Formigueiros

Brasil vence Camarões e enfrentará Argentina nas semifinais

brasil vence camaroes

A equipe de Dunga está aprontando mais uma.
Mais uma vez, chegaram numa competição importante pela porta dos fundos, como quem não queria nada, e caladinhos já estão na semifinal das Olimpíadas de Pequim.
Semifinal não, final mesmo, já que a Argentina é a única equipe realmente de peso que ainda resta na tabela, a outra chave sendo disputada por Nigéria e Bélgica.

Mesmo sabendo que é difícil e o Brasil, com todos os seus desfalques e problemas, talvez não seja o favorito para o grande jogo de Terça, não duvido nada que os comandados de Dunga aprontem mais uma para cima dos argentinos, tudo no estilo mineirinho, é claro.

brasil camaroes pequim

Contra Camarões, ao contrário do que a maioria dos comentarístas afirmou, o Brasil não jogou mal. Óbvio, alguns tiveram más atuações mas qual o time que não tem as suas laranjas podres?

 Ronaldinho Gaúcho está visívelmente fora de forma e, quando o jogo é pegado como foi este, ele simplesmente desaparece, apaga-se, de tocha humana vira homem invisível. O único desconto a ser dado ao ex-craque é que, mesmo sem contribuir com seu futebol, ele acaba levando boa parte da marcação adversária consigo, desestablizando os sistemas defensivos dos opositores que o temem como a nenhum outro.

Diego também não jogou muito bem, aparecendo pouco e sendo muito bem marcado. Mas deu o passe decisivo para criar o primeiro gol do qual tanto o Brasil precisava para abrir, de vez, o time camaronês.

ronaldinho pequim

Já Anderson, Lucas e Marcelo, jogaram (e vem jogando) muito bem. O primeiro foi a força do meio-de-campo da seleção, impondo ritmo de jogo com sua grande força física e fazendo a bola rolar. O segundo marcou muito, num jogo silencioso e de pegada forte, não deixando os adversários criarem muita coisa. E Marcelo, em minha humilde opinião, foi o grande nome da partida, sendo constantemente acionado e virando a principal referência para furar a defesa dos “leões africanos”, marcando – inclusive – um belíssimo gol no final do primeiro tempo da prorrogação.

diego pequim 2008

A equipe, de uma maneira geral, jogou bem.
Só faltou o gol no tempo regulamentar para dar a necessária tranquilidade para que a equipe abrisse a intransponível a retranca camaronesa.
Mas tudo bem, os dois gols no tempo extra nos servirão como alerta para manter a equipe ainda mais ligada na competição.

Se tenho medo dos Argentinos, Riquelme, Messi e companhia?
Que venham…

futebol brasil pequim 2008

 

Categorias: Esporte
Tags: , , , ,
agosto 16, 2008 | Por Thiago | Comente

Comente